Reflexões de professoras supervisoras de estágios supervisionados de Música no ambiente hospitalar: desafios e aprendizagens

Autores

  • Maria Cecília de Araújo Rodrigues Torres Centro Universitário Metodista-IPA
  • Cláudia Maria Freitas Leal Centro Universitário Metodista-IPA

Palavras-chave:

estágio supervisionado, hospital, Educação Musical

Resumo

Nos limites desta comunicação apresentamos um relato de experiência como professoras supervisoras de estágio com dois grupos de alunos de um Curso de Licenciatura em Música durante os dois semestres de 2011. Esta atividade foi desenvolvida no primeiro e segundo semestres com dois grupos de alunos. O embasamento teórico está apoiado nas pesquisas de Matos e Mugiatti (2006), Caldeira e Fonterrada (2006), Flusser (2011), Ferreira, Remedi e Lima (2006), Leão e Flusser (2008), Louro, Alonso e Andrade (2006) e Moreira (2006), Sinval Júnior (2012), Bergold e Alvim (2009), dentre outros. Os primeiros estranhamentos ao ambiente surgiram já no encaminhamento da documentação necessária que exige vacinas e declarações de saúde no lugar dos tradicionais documentos exigidos pelas secretarias de educação. Neste momento, os alunos passam a se inserir como educadores musicais que atuarão em um contexto de saúde, fazendo educação musical. Os grupos foram delineando seus perfis no planejamento das atividades de acordo com vários aspectos como: os instrumentos musicais que cada um tocava, o repertório musical que foi sendo organizado e estudado para os encontros, quem preferia tocar percussão, quem cantava, quais jogos e brincadeiras musicais levar, quem conhecia as letras das músicas pedidas pelos pacientes. Entre as questões presentes ao longo do estágio tivemos a improvisação como uma necessidade e a dúvida que acompanhou alguns alunos durante as práticas de educação musical, qual seja: tocar ou cantar para diferentes de crianças a cada dia constitui um trabalho de educação musical?

Downloads

Publicado

03/01/2014

Como Citar

Torres, M. C. de A. R., & Leal, C. M. F. (2014). Reflexões de professoras supervisoras de estágios supervisionados de Música no ambiente hospitalar: desafios e aprendizagens. Revista Da FUNDARTE, (26), P. 48–58. Recuperado de https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/17