Relato de experiência da Intervenção “Corredor de Sensações” realizada pelo PIBID/UERGS – Dança

Autores

  • Amanda Bianca Santos Miranda Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS
  • Kimberly Ohanna Pozo Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS
  • Caroline Rocha Alves Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS
  • Kátia Salib Deffaci Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS

Palavras-chave:

Dança, intervenção, inclusão.

Resumo

Este é um relato de experiência das licenciandas bolsistas do PIBID/UERGS – Dança sobre a intervenção “Corredor de Sensações”, realizada na E.M.E.F. José Pedro Steigleder, como comemoração ao Dia Internacional da Dança. A intervenção tem como objetivo fazer com que os alunos vivenciem outras possibilidades de movimentos no espaço de trânsito escolar, a partir de novas sensações causadas por obstáculos colocados propositalmente em um corredor da escola, durante os intervalos no turno da manhã e tarde. Com o propósito de que todos os corpos possam vivenciar esta atividade, foram criadas estratégias para inclusão de alunos PNE.

Downloads

Publicado

09/07/2015

Como Citar

Miranda, A. B. S., Pozo, K. O., Alves, C. R., & Deffaci, K. S. (2015). Relato de experiência da Intervenção “Corredor de Sensações” realizada pelo PIBID/UERGS – Dança. Encontro De Pesquisa Em Arte Da FUNDARTE/Seminário Dos Grupos De Pesquisa Da UERGS/Montenegro, (8), P. 298–301. Recuperado de https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/epa/article/view/297