DANÇA E LINGUAGEM: PENSAMENTO, CORPO E PRODUÇÃO DE MUNDOS

Autores

  • Diego Ebling do Nascimento Universidade Federal do Tocantins
  • Sandra Regina Simonis Richter Universidade de Santa Cruz do Sul

Palavras-chave:

Dança, Linguagem, Produção de sentido.

Resumo

Esta comunicação emerge de uma pesquisa em andamento no curso de doutorado em Educação e tem por objetivo refletir a relação entre dança e linguagem. Para tanto, com Heinz von Foerster, Jussara Setenta, Isabel Marques e Iraquitan Caminha, interroga a redução – ou simplificação – do fenômeno da linguagem à representação da palavra e ao campo da linguística para propor uma abordagem filosófica que considere o gesto poético do corpo como produtor de sentidos no e com o mundo. Compreender o acontecimento da dança como dimensão poética de linguagem é promover abertura de sentidos para outros mundos possíveis; é compreender a ação de dançar como produção de mundos.

Biografia do Autor

Diego Ebling do Nascimento, Universidade Federal do Tocantins

Diego Ebling do Nascimento é professor, extensionista e pesquisador na área da dança e da educação física da Universidade Federal do Tocantins. Mestre e licenciado em Educação Física pela Universidade Federal de Pelotas. Especialista em Artes Híbridas e em Dança e Consciência Corporal. Pesquisador do Centro de Desenvolvimento do Esporte Recreativo e do Lazer, Rede CEDES. Coordenador do Projeto de Extensão “Laboratório de Investigação do Movimento Autônomo” - (LIMA); Colaborador do projeto “Dança Contemporânea: Corporalidades Experimentais”. Organizador das atividades do “Núcleo 8 (Educação Somática)” no estado do Tocantins (TO).

Sandra Regina Simonis Richter, Universidade de Santa Cruz do Sul

Graduada em Educação Artística Habilitação Artes Plásticas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com mestrado e doutorado em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Pesquisadora e professora adjunta do Departamento de Ciências, Humanidades e Educação, atuando na Graduação, na Extensão e no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de Santa Cruz do Sul. Atualmente é coordenadora do PPGEdu da UNISC, pesquisadora do grupo Peabiru: Educação Ameríndia e Interculturalidade, líder do grupo de pesquisa Estudos Poéticos: Educação e Linguagem. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação, Artes e Infância, principalmente nos seguintes temas: aprendizagem, imaginação criadora, experiência poética, artes plásticas, dimensão poética da linguagem, educação infantil e ensino fundamental.

Referências

CAMINHA, Iraquitan de Oliveira. 10 lições sobre Merleau-Ponty. Editora Vozes, 2019.

FOERSTER, Heinz von. Visão e conhecimento: disfunções de segunda ordem. In: Novos paradigmas, cultura e subjetividade. Porto Alegre: Artes Médicas, p. 59-74, 1996.

KATZ, Helena. Prefácio. In: SETENTA, Jussara Sobreira. O fazer-dizer do corpo: dança e performatividade. Edufba, 2008.

LEPECKI, André, Planos de Composição. In: LEPECKI, André et al. Cartografias–Rumos Itaú Cultural Dança 2009-2010. São Paulo: Itaú Cultural, 2010.

LE BRETON, David. As paixões ordinárias: antropologia das emoções. Petrópolis: Vozes, 2009.

MARQUES, Isabel A. Interações: crianças, dança e escola. São Paulo: Blucher, 2012.

MERLEAU-PONTY, Maurice. Fenomenologia da percepção. Tradução Carlos Alberto Ribeiro de Moura. São Paulo: Martins Fontes, 1999.

NANCY, Jean-Luc. El arte hoy. Ciudad Autónoma de Buenos Aires: Prometeo Libros, 2014.

SETENTA, Jussara Sobreira. O fazer-dizer do corpo: dança e performatividade. Edufba, 2008.

Downloads

Publicado

25/11/2021

Como Citar

do Nascimento, D. E., & Richter, S. R. S. (2021). DANÇA E LINGUAGEM: PENSAMENTO, CORPO E PRODUÇÃO DE MUNDOS. Seminário Nacional De Arte E Educação, 27(27), 976. Recuperado de https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/Anaissem/article/view/976

Edição

Seção

27º Seminário Nacional de Arte e Educação - PESQUISA EM ANDAMENTO

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.